8 de junho de 2017

Postar hoje não era parte do meu planejamento, mas Elie Saab tem o poder de bagunçar nossa vida, nossa mente, nosso coração, nosso blog. Então hoje virou dia de post pra mostrar a coleção Resort 2018 do libanês mais talentoso que já pisou neste planeta.

Para esta coleção, Saab elegeu o mar como ponto de partida. Temos tudo aquilo que já estamos acostumadas (porém sempre deslumbradas) a ver: bordados multicor aplicados a vestidos de tule, brilhos, pedrarias e cores fantásticas, com plus para o coral e verde água que trazem a temática oceânica. #arielchora . Vibes esportiva com bombers de tule e os acessórios são um deleite à parte: óculos espelhados, brincos gigas e meias-calças com aplicações de cristais que despertaram um lado perua que eu nem sabia que tinha.

Como já é de praxe neste blog, separei meus lokos preferidos:

Começando ousada com vestido de couro laranja + sapato e clutch coordenados. O segundo look é muito desejo e me vejo usando hoje, amanhã e sempre.

O verde-água que falamos aparece em longos delicados cara de madrinha de casamento mais maravilhosa da festa. O segundo é tão delicado e com uma combinação de cores tão diferente que ganhou meu coração.

Estou exagerando ou os bordados desse homem são os mais perfeitos do universo? E na segunda foto, apesar do styling ~cagado~ com essa chinela, fecha os olhos realiza um saltão preto com qualquer um desses vestidos.

Coral delicadíssimo em babados, tules, bordados e brilhos. Usaria o segundo no meu próximo aniversário e o terceiro no próximo Oscar.

Se tem pouco bordado incrível, tome mais estes vestidos com cores e modelagem impecáveis. Acho que vou sonhar com essa jaqueta de couro da segunda foto até a volta das Spice Girls.

Galeria completa a seguir com fotos gigas e maravilhosas! Vai passando pro lado e segurando o queixo:

 

E vocês, já cansaram de ver o Saab por aqui, ou – como eu – já cansaram de ver o Saab SÓ por aqui e querem ver ao vivo no armário do quarto?

Fotos: Vogue.com

13 de abril de 2017

Mas Heloisa, você só conhece esse estilista? Você é muito repetitiva, não acha? Não sabe falar de outra coisa?

Não, sim e mais ou menos.
 

Eu sei que às vezes parece que esse blog recebe incentivos ilícitos pra ficar falando de Elie Saab e Zuhair Murad, rostinhos libaneses presentes em 90% dos posts (mentira, é bem menos, pode conferir). Mas eu simplesmente não consigo evitar.
 
Em março, meu libanês preferido lançou a coleção Fall Ready to Wear e estou há mais de um mês com as mãos coçando pra compartilhar aqui. Hoje finalmente chegou o dia.
 
O dia em que a gente chora, baba, os olhos brilham, os passarinhos cantam, os sonhos renascem e os boletos continuam vencendo em cima da mesa da sala, trazendo a gente de volta pra realidade.

 

A coleção foi inspirada no Ballet Giselle, um balé do período Romântico, tradicional, lindo, leve e encantador. A coleção do Saab traz uma atmosfera mais dark pra esse universo, mas sem deixar de lado a delicadeza, percebida principalmente nas transparências, rendas e poás. Tudo isso em uma cartela de cores sensacional pra variar.

 

Fiz uma seleção com meus looks favoritos, bora ver!

Veludo, poá, transparência e Saab. Segura esse C-C-C-COMBRO BREAKER.

Um trabalho em bordados e tons de azul que causam mais arritmia que 2 litros de café.

Esse degradê parece de mentira, tamanha beleza. Vestido preto de rendas e veludo, meu coração é seu.

O veludo em cores absurdas e uma heroína estampada pronta pra salvar o mundo.

E se o estampado anterior não era suficiente, receba mais esse. Tem mood gótica, mas tem camponesa também.

E pra finalizar, uma galeria de fotos giga com mais preciosidades dessa coleção:
 


 
E aí, qual seu look preferido?
  
Fotos: Vogue.com

5 de agosto de 2016

Não me odeiem. Juro que está acabando o teste cardíaco da temporada eeee chamem o Galvão porque Haaaaja coração, amigos.

Hoje o negócio fica realmente sério porque vamos falar de coleção Couture do Zuhair Murad.

Que tá com uma cartela de cores lindas.

E muitos brilhos e transparências.

Levanta do chão  e BORA SOFRER.

1

Esse verde é meio Barbie o encanto das fadas no jogo do Parmera mas merece destaque. O preto eu usaria amanhã. Pra ir pro trabalho.

2

Carmen San Diego virou fashionista e agora só usa alta-costura. Mas o da direita é apaixonante, exceto pelo cinto que achei demais.

3

O rosê achei muito Barbie-Barroca, mas coloquei aqui pela polêmica. O estampado é muito amor, decote maravilhoso.

No próximo post, o fim dessa saga de vestidos MurahidSaabísticos que aceleram nosso coração chega ao fim.

Preparem-se.

Fotos: Vogue.com

Página 1 de 312...Última »